03/07/2012

Google pode ter um segundo tablet: o Nexus 10


Apenas dois dias depois de o Google anunciar o tablet Nexus 7, que está sendo vendido por 199 dólares nos Estados Unidos, surgem rumores que que um modelo maior estaria a caminho. O noticiário taiwanês Digitimes diz que a empresa já discute, com fabricantes de tela de cristal líquido, a produção de um tablet de 10 polegadas.

A notícia não é oficial e deve ser vista com cautela, é claro. Mas há chances de que ela seja verdadeira. O Nexus 7 é certamente adequado para a estreia da marca Google nos tablets. Com seu baixo custo, ele pode ser vendido em grande quantidade, conquistando rapidamente uma participação significativo no mercado.

Mas, se Larry Page e sua turma quiserem enfrentar o iPad, vão precisar também de um modelo maior. É improvável, porém, que esse suposto Nexus 10 chegue às lojas neste ano. O Digitimes não dá outros detalhes sobre o tablet. Só diz que a tela seria fornecida pelas empresas asiáticas AU Optronics e Wintek. Esta última é uma das fabricantes de painéis de cristal líquido para o Nexus 7.

Segundo o noticiário, o Google comprou 500 mil telas em junho e deve totalizar 1 milhão de unidades no período de maio a julho. Estima-se que a Amazon tenha encomendado 5 milhões de unidades do Kindle Fire quando lançou o tablet em novembro de 2011. Perto desse número, a encomenda do Google descrita pelo Digitimes parece modesta.

Se os dados divulgados pelo Digitimes estiverem corretos, eles podem indicar que o Google não pretende levar o Nexus 7 a muitos países rapidamente e que não tem intenções de vendê-lo em lojas de varejo (por enquanto, o tablet é vendido apenas na loja online Google Play e só em quatro países).

Nenhum comentário: