16/04/2012

Outsourcing: trabalhe em casa para clientes no exterior

Há na web uma gama de sites onde você pode se cadastrar para realizar trabalhos como freelancer e ter a oportunidade de ganhar em moeda estrangeira. Não importa a sua profissão, sendo Técnico em Informática, Analista de Sistemas, Programador ou Designer, você pode ter a chance de mostrar o seu trabalho para várias partes do mundo nesses sites. Basta ter algum conhecimento na língua inglesa e se cadastrar no site. Quanto melhor o conhecimento em inglês, melhor será o entendimento das necessidades do clientes e a comunicação com o mesmo. Você também terá que criar uma conta no paypal para poder receber os pagamentos oriundos dos projetos realizados.
Os principais sites de freelancer na internet são:
  1. Elance
  2. Freelancer
  3. oDesk
  4. Guru
  5. vWorker
  6. ScriptLance
Algumas das dicas que podemos dar ao se cadastrar nesses sites é que você deve ter um currículo em inglês (Résumé), além de um site onde você deverá colocar seu portifólio para que o cliente interessado possa conhecer o seu trabalho. A concorrência, principalmente com programadores indianos é grande, então, quanto melhor for o seu currículo e o seu portifólio, maiores são as chances de garantir projetos.

Outra dica é: no início, não se preocupe em pegar projetos fáceis, de pouco trabalho, e de baixo custo (ou custo algum). Quanto mais projetos você fizer, mais pontos terá. Então, na hora de fazer aquele projeto de US$ 5,000, por exemplo, o cliente certamente observará a pontuação de quem se ofereceu para realizar a tarefa.

Não esqueça de elaborar uma proposta bem detalhada, falando um pouco sobre você, seu portifólio e tudo o que será feito no projeto solicitado pelo cliente. Tente obter o máximo de informação do cliente, diretamente no site. Antes de "dar um lance", é possível fazer perguntas ao cliente, como se fosse um MercadoLivre e você estivesse interessado em comprar um produto, a diferença aqui é que você que vai receber por um serviço que será realizado. Coloque no projeto o preço, forma de pagamentos e o prazo de entrega do projeto.

É claro que, para projetos simples, não é tão necessário elaborar um documento para tal tarefa. Se você elabora um documento de proposta para um projeto de US$ 10, por exemplo, é possível que você assuste o cliente e perca a chance de realizar o serviço. O importante é que o cliente fique confiante que você é a pessoa certa para realizar o serviço. Acredito que, para projetos pequenos, custo e velocidade de realização da tarefa contam muito.

O site não é só para freelancers, se você tem um projeto, tem algum dinheiro sobrando e não tem tempo, ou simplesmente quer terceirizar esse projeto, você pode cadastrar o seu projeto no site e aguardar pelas propostas e perguntas. Quem sabe o custo x benefício de realizar essa tarefa pode ser melhor do que ter que montar uma equipe inteira?

Espero que aproveitem bem essa oportunidade, façam um bom dinheiro e participem de novos projetos.

Obrigado a todos e até o próximo post!



4 comentários:

Victor Soares disse...

Você já participou de algum desses sites Kal? Fez algum trabalho?

Kal Carvallho disse...

A concorrência com os indianos é bem grande. E eles cobram bem barato.

Até agora só fiz um trabalho, nada complicado. Era só preencher um cadastro em um site novo que estava sendo lançado.

Mas, continuo tentando até hoje.

Talvez não tenha conseguido ainda pq tenho tentado pegar projetos grandes, na casa dos US$ 5,000.

Tem maiores, já vi projetos de mais de US$ 100 mil, um site para uma joalheria. Mas, acabei não enviando proposta. Imagina só?

Victor Soares disse...

Maravilha!!! Vou me cadastrar nesse fim de semana e ver como funciona.

Andrey Pirolo disse...

Bem legal esses serviços online em que se está treinando/aprendendo e ainda tem a oportunidade de ganhar dinheiro.