20/03/2012

Quanto você recebe?


A pergunta deste artigo, pode parecer um pouco mal educada, mas o objetivo não é saber o quanto você recebe no final do mês na sua empresa, mas sim para saber se essas "pesquisas" que acontecem na área digital estão ou não, de acordo com o mercado de trabalho.



No início deste mês foi publicado um artigo no site da Revista Veja, sobre a valorização na área de TI e hoje o Meio & Mensagem, publicou sobre a média salarial na área digital.

Sempre que vejo esses levantamentos e converso com alguns amigos da área, recebo muitas críticas quanto aos valores apresentados. Alguns acham que os valores estão muito acima do que o mercado paga, outros acham que estão dentro da faixa.

Nesse pequeno levantamento, tenho a impressão de que os valores não estão de acordo com o mercado. Outro ponto que me faz chegar a essa conclusão, está na tabela do Meio & Mensagem, onde um Diretor de Tecnologia, começa com um valor de R$3.626,90. Na minha opinião esse salário não está de acordo, para um cargo de tamanha importância no mercado digital.

Abaixo segue a tabela do Meio & Mensagem e uma categoria que aparece no site da Revista Veja.

Na sua opinião, os valores estão de acordo com o mercado?






Fontes: Meio & Mensagem e Veja




Um abraço e até o próximo post!


3 comentários:

Anônimo disse...

É isso mesmo.

Concurseiros não desistem disse...

Salários mentirosos demais!

Anônimo disse...

Trabalho como programador a quase 6 anos. Considero que sou pleno na tecnologia que utilizo, Asp.Net.

Ganho atualmente 3.000 Como CLT em Campinas interior de SP.

Na Veja a média salarial de um programador está 3500 e na outra pesquisa está 2800. Então acho que estão acuradas as pesquisas.

O que eu vejo acontecer muito é 'profissionais' que não dominam a tecnologia e querem ganhar rios de dinheiro. Só fazem gambiarras, e normalmente tem problemas até de falta de lógica de programação.

Esse tipo de pessoa acaba baixando muito o salário da categoria em geral, pq a empresa acaba tendo uma série de gastos contratando um profissional que não sabe o que está fazendo.

Como o mercado está com uma grande falta de desenvolvedores, a empresa acaba se não esperando para contratar a pessoa certa e pega esse tipo de pessoa mesmo.

Conheço um caso recente onde na empresa que um colega meu trabalha contrataram uma pessoa para aprender programação com salário de 2.800 pela falta de profissionais.