17/03/2012

6 dicas para deixar suas fotos cada vez melhores

1. Pare de cometer sempre os mesmos erros
Identifique o problema. Passe um bom tempo analisando suas fotos. Identifique padrões. Observe se o erro foi resultado de pressão de tempo ou de velhos hábitos. Certamente, há muito do que se lembrar antes de pressionar o botão do obturador, mas (se pergunte sempre) de quantas maneiras posso estragar o que poderia ter sido uma boa foto?
Por exemplo, um embaraçoso padrão que pode acontecer e a persistente tendência para "foto instantânea": tirar a fotografia óbvia, sem explorar alternativas que poderiam dar à imagem mais impacto e interesse. Outros padrões que podem existir incluem:
* Posicionamentos óbvios com cenas de iluminação misturada e cenas que combinavam iluminação extrema (áreas muito escuras e muito claras na cena).
* Achar que pode segurar a câmera com as mãos em velocidades lentas do obturador, e, o que é pior, sempre depois tentar resgatar no computador as imagens com pouca nitidez. Uma tolice, realmente uma tolice, se possuir um tripé use-o.
* Tentar enganar o enquadramento interno da câmera (quase a mesma coisa que não ver a foto "real") ou focar um lado ou o outro de onde o foco deveria estar. Acho muito ruim quando isso acontece comigo, especialmente quando acontece com regularidade.

2. Compare suas fotos com as que você gostaria de ter tirado
Compare seu trabalho com outras fotos. Use fotos de revistas, jornais, use até cenas de filmes, quando você estiver assistindo a um filme note o enquadramento que é obtido sobre aquela cena de paisagem, retrato, etc. Separe as fotos e comece a compará-las.
Tente novas abordagens: O objetivo deste exercício é determinar maneiras para você melhorar a abordagem de tipos específicos de fotografias. Não copie o trabalho de ninguém, seja um estilo profissional ou uma técnica padrão, estude as diferenças entre as fotos de revistas e cenas de filmes e suas próprias fotos, procurando variações que dariam às suas fotos mais força criativa sem copiar o método de outra pessoa. É importante que você valorize o seu método próprio, mas também é importante você pesquisar sobre as possibilidades de melhorar seus métodos.

3. Espere um longo tempo antes de começar a fotografar
Entenda porque é bom esperar. A idéia de esperar para fotografar é algo que você deverá aprender. Reservar tempo para conhecer o assunto, seja um local ou uma pessoa, quase sempre produz melhores fotos que focalizar e tirar uma foto do primeiro objeto que cruzar o visor. Esse é um ponto que quando iniciamos não valorizamos, certamente porque estamos acostumados a fotografar logo as pessoas e elas devem ficar com cãibras na boca de tanto dizer 'giz'. Minha esposa hoje acha que eu demoro muito pra tirar uma foto, mas esse estudo é imprescindível.

4. Fotografe instintiva e rapidamente
Focalize e fotografe agora: Embora esta dica pareça contradizer a anterior, vejo-a como complementar à dica de esperar para fotografar. Em qualquer cena, há fotos que percebo em um instante com o canto dos olhos ou sobre os ombros enquanto caminho. Há ainda aquelas fotos "perfeitas" que pedem que as fotografemos sem hesitação. Fotos de crianças e animais em movimento se enquadram bem nessa questão.
Fotografe rapidamente: Fotos rápidas e instintivas são imagens fáceis e necessárias para fotógrafos de esportes e de noticiários, mas a fotografia por instinto não vem naturalmente. Certamente, essas imagens precisaram de mais trabalho no computador que outras fotos. Para obter boas fotos rápidas, tem de conhecer os controles da câmera por dentro, por fora, e de trás para a frente, uns dos professores de fotografia que tive sempre falava, "Deixe de chamar sua máquina de minha senhora e passe a chamar de você, conheça seu equipamento como se fosse parte do seu corpo." e pratique muito, muito mesmo.

5. Fotografe novamente
Seja seu próprio crítico: À medida que você revise suas fotos, imagine como deveria fotografar a mesma imagem de maneira diferente. Muitas pessoas retornam regularmente às cenas para fotografá-las novamente, em geral é para obter uma iluminação diferente ou para fotografar de um ponto ou perspectiva privilegiada. Revendo minhas imagens, na maioria das vezes achei que deveria mudar a composição ou focalizar em aspectos mais específicos da cena ou do assunto. Na minha auto-crítica, percebi que tempo, experiência e o desenvolvimento de um estilo pessoal influenciavam na minha avaliação de como deveria fotografar novamente o assunto.

6. Peça uma segunda opinião
É importante você pedir opinião sobre suas fotos e para isso existe diversos sites e fóruns. Pedir opinião a qualquer pessoa pode ser complicado. Por exemplo: minha esposa gosta de fotos que o fundo sai desfocado (usando pouca profundidade de campo). Ela logo diz: "Nossa como essa foto ficou bacana com esse fundo desfocado". Ou seja, nem todas as fotos merecem um fundo desfocado, é bom compartilhar os conhecimentos com outros fotógrafos, mesmo que as críticas o abalem de início, você pode tentar mostrar que consegue algo melhor.

Nenhum comentário: