29/04/2011

Primeiro código JavaScript

<HTML>
  <HEAD>
    <TITLE>Primeiro código</TITLE>
  </HEAD>
  <BODY>
    <SCRIPT LANGUAGE="javascript" TYPE="text/javascript">
    <!--
      // Exemplo de um código em JavaScript
      document.write ("Meu Primeiro Código em JavaScript");
    //-->
    </SCRIPT>
  </BODY>
</HTML>


Tags

O JavaScript pode ser inserido diretamente no HTML ou em um arquivo .js. No HTML, o script vem dentro da tag SCRIPT. Na tag podemos, opcionalmente, antecipar a linguagem que usaremos para o browser usando o atributoLANGUAGE. Mas, somos obrigados a definir o tipo de script que será utilizado usando o atributo TYPE (que para o nosso caso, será sempre text/javascript).


Comentários HTML

Os comentários HTML servem para evitar que o código do JavaScript seja entendido como simples texto por browsers antigos. Portanto, se vamos codificar diretamente nas tags HTML, devemos por o código dentro de <!-- e -->.
Outro fato é que o JavaScript pode vir a tentar interpretar o --> (que representa o final do comentário em HTML). Para evitar que isso aconteça, nós usamos o comentário do JavaScript para ignorar o -->. Isso resulta na estrutura:
<!--
  Código em JavaScript
//-->

Comentários JavaScript

Comentários servem apenas para documentar o código, ou seja, para inserir dicas ou anotações que não são trechos de código a serem executados.

JavaScript utiliza duas formas de comentário: o comentário de linha única e o comentário de várias linhas.

O comentário de linha única começa a partir das barras duplas (//). Tudo que estiver após as barras será ignorado.

O comentário de várias linhas começa a partir da barra e asterísco (/*) e devemos terminá-la com asterísco barra (*/). Tudo que estiver dentro de /* e */ será ignorado.


document

document é um dos muitos objetos existentes em JavaScript. O objeto document nos dá acesso a muitos elementos encontrados na página HTML, inclusive à própria página. O assunto orientação a objetos será tratado mais a frente.


write()

write() é um método. Podemos pensar em métodos como sendo ações que um objeto pode executar. De forma - muito simplória - podemos comparar o seguinte:

O carro pode acelerar, o avião pode voar, no cavalo podemos montar e no documento podemos escrever (document.write).

Portanto, apenas sabendo um pouco de inglês, podemos entender que o que irá acontecer é que algo será escrito no documento.


("Meu Primeiro Código em JavaScript")

O que está entre parentêses é o que chamamos de argumentos. Os argumentos são as informações necessárias para que um método ou função faça alguma coisa. No caso do método write, ele precisa saber o que ele deve escrever no documento. O que está entre aspas é a frase que ele deve escrever no documento.

Cada linha de código é única, mas se quisermos colocar mais de uma linha de código na mesma linha devemos indicar o final de cada linha com um ponto e vírgula (;).

Outro detalhe que devemos observar quando programamos em JavaScript é que esta é uma linguagem case sensitive. Isso quer dizer que, há diferença entre maiúscula e minúscula. Portanto, document não é a mesma coisa que Document, write não é a mesma coisa que Write e assim por diante.

Fonte: Blog Expert.net

Nenhum comentário: