04/02/2011

Governo vai baratear tablet produzido no Brasil

O governo federal já trabalha pela desoneração de computadores tablets produzidos no Brasil.

O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, iniciou as discussões com os setores envolvidos para concretizar uma determinação da presidenta Dilma Rousseff: incluir as pranchetas eletrônicas, que podem ser usados para acesso à internet, no programa Computador para Todos, que reduziu impostos e barateou os computadores no Brasil.

Paulo Bernardo também se reuniu na última quarta-feira (2) com a vice-presidente mundial para assuntos governamentais da Apple, Catherine Noveli. “A Apple nos procurou dizendo que sabia das iniciativas do governo federal e do potencial do mercado brasileiro”, disse o ministro, ressaltando que a prioridade será dada para produtos produzidos no Brasil.

Segundo o ministro, a desoneração de impostos para desktops (computadores de mesa) e notebooks (computadores portáteis) aumentou o acesso da população aos produtos. No ano passado, foram vendidos mais de 14 milhões de computadores fabricados no Brasil. “Se incluirmos o tablet nesse programa, podemos baratear bastante”, afirma.

Nenhum comentário: